"Everyone Wants To Be Found"

13
Jun 09

Não quero deixar de mencionar uma iniciativa muito interessante que está a decorrer no Blog "Descubra as Aldeias históricas de Portugal"  a blogagem colectiva "Aldeia da minha vida", para a qual também fui convidado a participar e só porque me foi  impossível não dei o meu contributo.

Não deixem de passar por lá e votar na postagem que mais vos agradar.

Para dar o meu pequeno contributo à iniciativa e sem textos postarei apenas algumas fotos de Sendim uma das terras de que vos poderia ter falado.

Tenho a certeza que outras ocasiões aparecerão em que poderei participar, sempre com um problema muito grande, o de vir a não ser justo, pois teria que falar sobre muitos lugares, sítios, aldeias, vilas e cidades bem bonitas que temos no nosso país.

Pena que aos poucos se esteja a perder muita coisa em nome do progresso e desenvolvimento sem preservarmos o que é tradicional.

Está na hora de assumirmos que temos uma história e que a ela estamos ligados sem ter vergonha do que éramos nem do que somos. Todos temos o nosso lugar.

Eu não tenho "terra", no verdadeiro sentido da palavra com que as pessoas o usam. Cresci e vivi em Lisboa, nos arredores para ser mais preciso e nunca tive a  "minha terra", apesar de ter muitas aldeias na minha vida. Umas que visitei, outras que me adoptaram, outras ainda onde tenho familiares e que muito me dizem por fazerem parte da minha história.

Hoje deixo-vos umas fotos dos mosaicos da estação de comboios em ruínas da "terra" que me adoptou.

Sendim

Sendim

Sendim

Sendim

Sendim

Sendim

Sendim

 

 

 

 

publicado por Lupus Ibérico às 00:17

Junho 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12

14
15
16
17
18
19
20

21
22
25
27

29
30


mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO